Inspirada no ardor do sentimento ela correu. Correu em campos alísios. Ele era o vento. E ela os campos floridos. Ela lhe dava beleza. Ele inspiração. Eles eram um só. Portanto, ele não existia.
             Ela existia. Isso bastava...


13 Comentários

  1. Adorei seu blog, to te seguindo! bjs.

    ResponderExcluir
  2. post lindo, blog lindo! agora convidamos voce a participar desta brincadeira haha http://girlsmorethanwords.blogspot.com/2010/10/40-4-10-coisas-sobre-nos.html

    ResponderExcluir
  3. Que maravilhoso, será que um dia ele existirá?

    foto muito nostálgica, adorei tbm!!!

    Beijao querida!!

    ResponderExcluir
  4. Cara, esse foi um dos melhores posts seus lidos por mim '-'
    Gostei muito! *-*

    ResponderExcluir
  5. Que lindo!

    Primeira vez que venho aqui e adorei!


    Beijos

    ResponderExcluir
  6. to meio assim rsrs vivendo meu amor... meu amor... rsrs e isso basta

    ResponderExcluir
  7. Olá, Naia...
    Navegando pela internet, me deparei com seu Blog.
    Muito bom mesmo... Parabéns!
    Queria só de cumprimentar mesmo pelo trabalho, suas idéias e seu bom gosto...
    Estou te seguindo.
    Saudações,
    EDU (http://edurjedu.blogspot.com)

    ResponderExcluir
  8. Olha, hoje eu peço perdão do fundo do coração, mas só vim mesmo avisar que como o meu blog http://lenjob.blogspot.com está completando CINCO ANOS eu postei lá DEZ POEMAS novinhos de presente e aguardo sua visita prometendo voltar aqui para degustar do seu.

    João Lenjob.

    Rosas Vermelhas
    João Lenjob

    Foi a alegria que tanto me deu
    E das juras que fizemos porém
    Das rosas vermelhas que eu lhe dei
    Num buquê as promessa tão cheias de amor
    Do presente o sorriso sincero tão bom
    Da alegria que me ensinou a viver
    E da vida que só eu pude dar.

    Da pureza do encanto que sentimos
    A inocente ternura que nos rodeava
    nos mais nobres momentos que soubemos estar
    Viver.

    Nas rosas vermelhas da vida
    O amor nunca fora escondido
    Um segredo vale tanto
    O brinquedo em encanto de nunca perdido
    Viver, você
    Perpetuamente num jardim de rosas vermelhas.

    ResponderExcluir