O mesmo vento que leva trás. O dia está indo embora. Sensação de faltar alguma coisa. Descabelada e desarrumada. Descabelada de escrever atrás do café quente. Tudo errado. Tremor ensadecido. Olhar marejado. Dor pungente. Calma. Calma de ver a brisa. Abre um sorriso. Sorriso de coração murcho. Mas vivo. Vivo por somente você. Mesmo zumbi. De zumbi agir sem saber. Até encontrar você. Tudo bem? Não agora não vejo a mim. Vejo de ver outra pessoa. Mas a brisa vai trazer meu eu de volta. Legal não? A brisa do mar. A brisa do mar de fazê-lo feliz.


9 Comentários

  1. lindo, beijos...ótimo fim de semana! o Mesmo vento que trás leva, tome cuidado*

    ResponderExcluir
  2. que graça de post! está lindo...
    "Descabelada e desarrumada. Descabelada de escrever atrás do café quente".

    beiijo,
    *.*

    ResponderExcluir
  3. Diz.aço.cegada lâmina foice e corta pa.lavras até agir-las e moldá-las... :D

    ResponderExcluir
  4. A brisa do mar... que delícia!!
    Bjão e um final de sábado super iluminado.

    ResponderExcluir
  5. Queria tanto um mar aqui perto de mim! ^^

    ;*

    ResponderExcluir
  6. Bonito!!! rs
    Imagem lindaaa!

    Beijos querida otima semana!

    ResponderExcluir
  7. A brisa do mar....o mar...adorooooooooo!!!

    Bjão Naia querida!!!

    ResponderExcluir
  8. esperemos que sim :)
    estou a seguir*

    ResponderExcluir